quinta-feira, 20 de março de 2014

O CU E A CABEÇA

se a poesia não serve pra nada
menos ainda servem as palavras
nada que eu diga
vai mudar o mundo
mesmo que acreditem
as palavras se desprendem do cérebro
 vão se formando na boca
e são expulsas
às vezes duras
às vezes fragmentadas
às vezes ralas
iguais às merdas que expulsamos
todos os dias
e dizem que somos as nossas palavras
somos também as nossas merdas
embora muitos esqueçam
são do mesmo corpo o cu e a cabeça





Nenhum comentário: