sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

CAMISA

abro a camisa até o umbigo
e como se fosse um botão
prendo o mamilo à casa do mundo
e ofereço ao resto as minhas costas


Nenhum comentário: