segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

SAUDADES DA ALMA

já tive saudades da alma
quando eu era vivo
agora ela seca ao meu lado
imobilizada pela terra pelo tempo pela calma


Nenhum comentário: