terça-feira, 5 de julho de 2016

VELÓRIO

o poema que eu estava procurando
foi encontrado morto                       
inerte
rente ao solo
não movia uma palavra
nem havia ponto final
apenas reticências
velo o seu corpo
mas não consigo permanecer em silêncio


Nenhum comentário: