sábado, 5 de novembro de 2016

PRIMEIRA CAIXA DA DOR

1.
a dor empurra o tempo por debaixo da porta
sem bilhete

2.
do que é feita a carne
não forma uma pessoa
os componentes espalhados sobre os nervos
os líquidos que não cabem nos tubos
deixam incompletas as certezas

3.
a pele precipitada tremula sem as horas
era de vento o afago
agora é de tempo

4.
um morto não quer silêncios
quer que alguém saiba o que o morto quer
e que deite ao seu lado e procure o idioma correto
para lhe dizer

5.
reproduzir a dor da melhor maneira possível
requer abismos
mostrar com sangue é fácil
quero ver mostrar com o rosto plácido

Nenhum comentário: